Notícias AGML

Realizou-se, a 19 de dezembro, o tradicional almoço de Natal que juntou professores e funcionários do Agrupamento num animado convívio. 

Feliz Natal!

 

almocoNatal2

O projeto Única, associação cultural sem fins lucrativos, vai ser apresentado no auditório da Escola Secundária de Santa Maria, no dia 15 de dezembro, às 10,20 horas. Este projeto dedica-se ao diálogo entre diferentes culturas e apoia iniciativas que visam  a concretização dos dezassete objetivos  de desenvolvimento sustentável  que a ONU pretende implementar até 2030.

No site www.ongunica.org pode conhecer-se melhor o projeto a ser apresentado e as campanhas que levam a cabo.

Este evento decorre no âmbito do Projeto de Voluntariado e Intervenção Social do AGML, e tem por finalidade sensibilizar os alunos para causas que possam apoiar, bem como incentivá-los  a construir e apresentar os seus próprios projetos de voluntariado e de apoio à comunidade em que se inserem.

O AGML apresenta, em parceria com a Fundação Cultursintra, nos dias 14, 15 e 16 de dezembro, no auditório da Escola Secundária de Santa Maria, espetáculos que resultam da colaboração de alunos e professores do primeiro ciclo com os mentores do projeto "Histórias de um piano", com base no estudo de obras literárias associadas a temas e peças desenvolvidos por compositores de diversas épocas. As peças musicais serão interpretadas pelo pianista Angelo Martino.

 

Os resultados do PISA (Programme for International Student Assessment) 2015 foram apresentados a nível nacional pelo IAVE (Instituto de Avaliação Educativa) no auditório da Escola Secundária de Santa Maria, no dia 6 de dezembro. Estiveram presentes o Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, o Secretário de Estado da Educação, João Mota e o Presidente do IAVE, Helder de Sousa. Os resultados foram apresentados por João Maroco, responsável pelos Estudos internacionais do IAVE. Entre os convidados, contavam-se  o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Sintra, Rui Pereira, o Presidente da Junta de Freguesia, Eduardo Casinhas, o Presidente do Conselho Geral, Filipe Carrêlo e diversos membros do Conselho Pedagógico do AGML.

O PISA, desenvolvido pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), é um teste que visa avaliar se os alunos de 15 anos, idade em que, na maior parte dos países participantes, os alunos se encontram no final da escolaridade obrigatória, estão bem preparados para enfrentarem os desafios da vida quotidiana. O teste foi concebido para avaliar se os alunos de 15 anos conseguem mobilizar as suas competências de Leitura, Matemática ou Ciências na resolução de situações relacionadas com o dia a dia e não se são capazes de reproduzir os conhecimentos adquiridos nessas áreas.

Este ano, os resultados do nosso país apresentam uma subida, o que coloca Portugal acima da média dos países da OCDE.

:.FOTOS DA APRESENTAÇÃO.:

No passado dia 14 de novembro, os alunos de alemão do agrupamento deslocaram-se a Lisboa para assistir a um concerto do grupo alemão “Isolation”. Esta atividade teve como objetivo motivar e melhorar a qualidade do sucesso dos alunos da referida disciplina através da aprendizagem da língua em contexto de falantes nativos e familiarizarem-se com aspetos da cultura alemã.

 

Informamos alunos e famílias que a Escola criou um Núcleo de Voluntariado e Intervenção Social que visa:

- a orientação de alunos para projetos de voluntariado para os quais se sintam motivados a dar um pouco de si, partilhando parte do seu tempo em prol de quem necessita.

- a orientação e apoio a projetos propostos por alunos no âmbito da intervenção social dentro da escola e na comunidade envolvente.

Listas ordenadas dos horários 41 e 42 relativos aos concursos por contratação de escola dos grupos 330 e 120.

:. Grupo 120 .:

:. Grupo 330 .:

 

O Agrupamento de Escolas Monte da Lua foi agraciado com uma Menção Honrosa pela Câmara Municipal de Sintra, no passado dia 11 de novembro, no Encontro “Quando a Comunidade é Resposta”, no Centro Olga Cadaval. O prémio destina-se a distinguir a sua participação de excelência no projeto “Sintra Inclui”, em reconhecimento do envolvimento dos atores educativos no processo de inclusão dos seus alunos, através da execução de planos centrados nos interesses dos jovens e integrados na comunidade. Este reconhecimento quer estimular o desenvolvimento de uma escola em que se ensina e aprende numa dialética que humaniza alunos, professores e pais e se garantem as condições para uma real pertença na comunidade ao longo da vida.