A escola D. Fernando II começou a funcionar em 1968 no atual edifício do MUSA (Museu das Arte de Sintra) com turmas de 5º e de 6º anos, mudando-se em 1983 para as atuais instalações. Em 1988 começou a receber alunos do 7º ano, em 1991 alargou-se ao 8º ano de escolaridade e em 1992 generalizou-se o 3º ciclo, passando a haver também turmas do 9º ano.

Face ao aumento da população escolar, em 1991 foi construído um pavilhão com onze salas (vulgo Pavilhão Novo) e em 2007 foi montado um pavilhão provisório com duas salas pré fabricadas destinadas a acolher prioritariamente turmas do ensino secundário.

Atualmente, num amplo espaço verde arborizado onde se destaca um trilho ecológico, a escola é constituída por dois edifícios de dois andares cada, um pavilhão gimnodesportivo (construído em 2002), dois campos de jogos, balneários, uma sala/bar de alunos (construída em 2005) e as referidas salas pré fabricadas.

D. Fernando II - patrono da escola

Fernando de Saxe Coburgo-Gotha nasceu em Viena de Áustria a 29 de outubro de 1816. Em 1836 casou com D. Maria II. O nascimento do décimo primeiro filho, em 1853, custou a vida à rainha. Após a sua morte, por menoridade do príncipe herdeiro, D. Fernando ficou como regente do reino durante dois anos. Com a subida de D. Pedro V ao trono, D. Fernando "desapareceu" da vida política e dedicou-se exclusivamente às artes, a sua grande paixão. Em 1869 casou com a cantora suíça Elise Hensler, a quem foi dado o título de Condessa de Edla. Vítima de uma hemorragia provocada por uma queda, faleceu a 15 de dezembro de 1885, no Paço das Necessidades.

Como reconhecimento do excelente legado cultural de D. Fernando II, o “Rei-artista”, a Sintra, a escola adotou-o como patrono. Atualmente, e como símbolo de identidade, o Dia da Escola comemora-se em 29 de outubro, dia do nascimento de D. Fernando II.

Voltar